Quentinha do Dia #125 – Talibã toma o controle do Afeganistão

A retirada das tropas norte-americanas do Afeganistão foi marcada por momentos de terror, que descritas parecem cenas de um filme apocalíptico. A invasão militar dos Estados Unidos se encerra após praticamente vinte anos de intervenção direta no Afeganistão. Em comunicado, Joe Biden afirmou que trabalha para retirar diplomatas e cidadãos americanos em segurança do país, também deve adotar medidas para acelerar um processo de imigração especial para afegãos e afegãs que colaboraram com os Estados Unidos ao longo de quase duas décadas de guerra.

Biden tomou a decisão de retirar as tropas após constatar que cerca de 70% da população de seu país manifesta apoio ao fim da invasão. Esse longo conflito aniquilou a vida de dezenas de milhares de pessoas, sacrificou o futuro de gerações e teve um custo de aproximadamente um trilhão de dólares. Em seu comunicado, o presidente americano disse que “Fui o quarto presidente a presidir a presença de tropas americanas no Afeganistão – foram dois republicanos e dois democratas. Eu não iria, e não irei, entregar esta guerra para um quinto”.