Quentinha do dia #104 – CPI da Covid: Wilson Witzel faz graves denúncias

Na CPI da covid, o governador impeachmado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, prestou depoimento sobre a condução da pandemia em seu estado. A sessão foi tumultuada desde o início, em diversos momentos a base governista tentou deslegitimar as falas de Witzel, que insistiu na tese de que as acusações contra ele são parte de uma perseguição política motivada, sobretudo, pelas investigações da Polícia Civil do Rio de Janeiro no caso do assassinato da vereadora Marielle Franco.

Após as falas agressivas do Senador Jorginho e das perguntas do Senador Eduardo Girão, Witzel fez uso das prerrogativas do Habbeas Corpus acatado pelo Ministro da Suprema Corte, Kássio Nunes Marques, e pediu o encerramento de sua participação, se dispondo a participar de nova oitiva de forma reservada, afirmando que traria informações sensíveis que poderiam colocar sua segurança pessoal em risco.