Quentinha do dia #101 – A Privatização da CEITEC e a crise dos chips

O líder do Partido Democrata americano, Chuck Schumer, está empenhado em aprovar o projeto bipartidário que prevê a liberação de 52 bilhões de dólares para o desenvolvimento da indústria de chips e semicondutores. Desde 2019 os Estados Unidos da América enfrenta dificuldades para atender a demanda por esses produtos e a situação se agravou em função da pandemia da covid-19, dando início ao que ficou conhecido como a Crise dos Chips. O país é responsável por 12% da produção mundial desses itens, número bem inferior se comparado à década de 1990, quando detinha cerca de 37% da produção mundial.